SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue62The eclipse of the nation (1940-1945)Religion and nation in Europe in the 19th century: some comparative notes author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Estudos Avançados

Print version ISSN 0103-4014On-line version ISSN 1806-9592

Abstract

GIARDINA, Andrea. O mito fascista da romanidade. Estud. av. [online]. 2008, vol.22, n.62, pp.55-76. ISSN 0103-4014.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-40142008000100005.

Este ensaio procura analisar como o mito de Roma foi utilizado por Mussolini para criar uma "especificidade" fascista que coincidisse com uma "especificidade" da nação italiana. Práticas rituais, gestos, valores, símbolos foram retomados, de forma variamente arbitrária, para construir um mito que gerava novas ambigüidades, e que constituiu, à diferença do nazismo, um empecilho para a própria sobrevivência da "romanidade" após Mussolini.

Keywords : Fascismo; Roma antiga; Mito; Religião da política.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License