SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue75The proletariat, hope and the dream of a good lifeO compartilhamento de obras científicas na internet author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Estudos Avançados

Print version ISSN 0103-4014

Abstract

PATY, Michel. Do estilo em ciência e em história das ciências. Estud. av. [online]. 2012, vol.26, n.75, pp. 291-308. ISSN 0103-4014.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-40142012000200020.

Ao considerar o conhecimento científico como uma forma de pensamento simbólico, entende-se com isso não simples sistemas de signos, mas conteúdos de pensamento (expressos por conceitos) ligados entre si e que fazem sentido, que são, no espaço das representações mentais, os substitutos do "dado objetivo" que se supõe subjazer à experiência que fazemos do "mundo" pelos sentidos e, nesse nível indissociavelmente, pelo entendimento. Esse pensamento simbólico adquire densidade e consistência pela "tecelagem" realizada graças ao trabalho dos pensamentos individuais que se comunicam, social e culturalmente, inscritos no tempo da história. Da tensão dinâmica entre o sujeito do conhecimento, que busca a inteligibilidade (pela operação de sua razão), e a objetividade dos conteúdos que ele se propõe (inicialmente dados, depois modificados ou produzidos), resulta o movimento do pensamento científico e a transformação dos conhecimentos. Esse trabalho do pensamento simbólico é marcado por um estilo próprio a cada um, mas que em parte pode ser comum em contextos, escolas ou tradições. Em ciência e em história das ciências, o estilo intervém em dois níveis: o da abordagem "objetal" da produção das obras pelos cientistas e o da abordagem "reflexiva" da história epistemológica e da filosofia, que se interrogam sobre a significação tanto dos próprios conteúdos de conhecimento quanto do pensamento racional, simbólico, cuja função é manifestá-los.

Keywords : Conhecimento; Criação; Estilo; História; Inteligibilidade; Objetividade; Pensamento simbólico; Razão; Sujeito; Tensão; Tecelagem dos conhecimentos.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese