SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número91O gulag e a literatura de gulag: um balanço das pesquisasAs revoluções russas e a emergência do socialismo autoritário índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos Avançados

versão impressa ISSN 0103-4014versão On-line ISSN 1806-9592

Resumo

BANA, Martín. Como narrar a história da Revolução Russa no seu centenário?. Estud. av. [online]. 2017, vol.31, n.91, pp.55-66. ISSN 0103-4014.  http://dx.doi.org/10.1590/s0103-40142017.3191006.

A narração da Revolução Russa foi atravessada por fortes disputas ideológicas e interesses políticos surgidos, em grande parte, no calor da guerra fria. A dissolução da URSS em 1991 trouxe mudanças nas perspectivas teóricas, a melhora no acesso a fontes e novos contextos políticos que questionaram antigos preconceitos, embora não os tenham eliminado. Aos cem anos da Revolução, este artigo passa em revista os debates que se geraram historicamente e analisa as perspectivas abertas a partir das principais transformações na historiografia das duas últimas décadas, com o objetivo de apresentar uma possível história da Revolução Russa que supere preconceitos e distorções.

Palavras-chave : Revolução Russa; Centenário; Historiografia; Guerra fria; Vladímir Pútin.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )