SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue54When innovating is appealing to tradition: The bahian condition facing tourist modernizationGlances of the reception, the cinematographic critic in two times author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Caderno CRH

Print version ISSN 0103-4979

Abstract

MELLO, Paulo Freire. Coesão social e evasão em assentamentos rurais no extremo-sul do Brasil. Cad. CRH [online]. 2008, vol.21, n.54, pp. 592-610. ISSN 0103-4979.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-49792008000300012.

Através de etnografias realizadas em dois assentamentos no Rio Grande do Sul, discute-se os processos de coesão social interna e sua potencialidade em estancar a evasão e a rotatividade dos assentados. A adoção da perspectiva da sociologia da crítica de Boltanski, em associação com aportes pontuais de Bourdieu, Wolf e Elias, permitiu compreender os processos de mobilidade e de construção da coesão social dos assentados. Essa última é relacionada à reciprocidade, em especial ao parentesco e às relações religiosas e de vizinhança. Verificou-se que os assentados, cada vez mais situados na "cidade doméstica", estão construindo processos corporativos, ainda que de forma negociada com o MST, INCRA e vizinhança. Não se encontrou correlação entre a evasão e diversas variáveis relacionadas à dimensão material nos 193 assentamentos pesquisados.

Keywords : rotatividade; reforma agrária; reciprocidade; sociologia da crítica; religião.

        · abstract in English | French     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese