SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue58Mutifunctionality and no-market relationship: management of common resource in the brazilian northeastLabor-value and immaterial labor in contemporary social sciences author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Caderno CRH

Print version ISSN 0103-4979

Abstract

COSTA, Márcia da Silva. Trabalho informal: um problema estrutural básico no entendimento das desigualdades na sociedade brasileira. Cad. CRH [online]. 2010, vol.23, n.58, pp. 171-190. ISSN 0103-4979.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-49792010000100011.

Este texto resgata o debate teórico-conceitual que envolve o tema da informalidade, em essência, aquele das relações de dominação que favoreceram a acumulação capitalista no país. A partir dos dados da PNAD 2006, também é analisada a distribuição da força de trabalho ocupada. Quem são os informais e como eles se distribuem? Qual o seu perfil de renda e de escolaridade? Os achados corroboram os argumentos analíticos que entendem a informalidade como um problema estrutural básico na sociedade brasileira. Seu crescimento assevera o quadro histórico de desigualdade e pobreza que marcou seu padrão de desenvolvimento. Ainda que a economia volte a crescer, haverá um considerável contingente de trabalhadores que, a menos seja beneficiado com políticas educacionais consistentes, jamais terá a possibilidade de ser incorporado pela economia regulada.

Keywords : trabalho informal; trabalho precário; desigualdade.

        · abstract in English | French     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese