SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue62Urban experience in Benjamin's comments on Brecht poems author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Caderno CRH

Print version ISSN 0103-4979

Abstract

MELO, Rúrion. Teoria crítica e os sentidos da emancipação. Cad. CRH [online]. 2011, vol.24, n.62, pp.249-262. ISSN 0103-4979.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-49792011000200002.

A tradição de pensamento conhecida como Teoria Crítica, que conta com os nomes de Horkheimer, Adorno, Marcuse e Habermas, entre muitos outros, é composta por diferentes modelos críticos. Encontramos, numa mesma geração ou ainda num mesmo autor, diferentes formulações da crítica social apoiadas em diagnósticos do tempo renovados. O presente artigo procura pensar as condições de renovação dos diagnósticos a partir da qual os obstáculos à emancipação ou potenciais emancipatórios, quando presentes numa dada sociedade, sejam considerados e analisados de modo crítico. Essa renovação implica desvincular a fundamentação normativa da crítica do "paradigma produtivista" e conceber as lutas emancipatórias na pluralidade de seus sentidos.

Keywords : teoria crítica; emancipação; novos movimentos sociais; democracia.

        · abstract in English | French     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License