SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 número65Para além da dicotomia entre trabalho decente e trabalho digno: reconhecimento e direitos humanosGuerreiro Ramos, a redução sociológica e o imaginário pós-colonial índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Caderno CRH

versão impressa ISSN 0103-4979

Resumo

MARCELINO, Paula  e  CAVALCANTE, Sávio. Por uma definição de terceirização. Cad. CRH [online]. 2012, vol.25, n.65, pp. 331-346. ISSN 0103-4979.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-49792012000200010.

O leitor tem em mãos um texto cujo objetivo principal é propor uma definição de terceirização que seja, ao mesmo tempo, rigorosa do ponto de vista analítico e útil do ponto de vista político. Defenderemos que a terceirização é todo processo de contratação de trabalhadores por empresa interposta, cujo objetivo último é a redução de custos com a força de trabalho e (ou) a externalização dos conflitos trabalhistas. Se a formulação parece e é simples, de maneira alguma ela é consensual. Tal como veremos ao longo do texto, a terceirização é objeto de estudo de várias disciplinas e, dentro de cada uma delas, muitas são as controvérsias em torno da sua definição. Este texto é resultado de ampla pesquisa bibliográfica e de estudos de casos específicos realizados pelos autores ao longo de suas pesquisas de pós-graduação.

Palavras-chave : terceirização; subcontratação; trabalho.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · pdf em Português