SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 número75JUVENTUDE E TRABALHO DECENTE NO BRASIL - uma proposta de mensuraçãoCONFLITO SOCIOAMBIENTAL E CONTRADIÇÕES DO ESPAÇO SOCIAL: o caso do polo naval de Rio Grande/RS índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Caderno CRH

versão impressa ISSN 0103-4979versão On-line ISSN 1983-8239

Resumo

KOPPER, Moisés. DE CAMELÔS A LOJISTAS: a transição do mercado de rua para um shopping em Porto Alegre. Cad. CRH [online]. 2015, vol.28, n.75, pp.591-605. ISSN 0103-4979.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-49792015000300009.

Este artigo parte das tensões envolvidas no processo de remoção do mercado de rua do centro de Porto Alegre/RS e sua realocação para um shopping popular, construído através de uma Parceira Público-Privada (PPP). Privilegia-se a abordagem etnográfica, baseada numa inserção de campo de mais de três anos, que permitiu captar o processo em perspectiva diacrônica. A transição das ruas para o camelódromo foi acompanhada de perto pela empresa construtora, doravante responsável pela sua administração, que exigiu uma mudança na sensibilidade comercial, a partir de uma política de pedagogização, visando forjar novos perfis de comerciantes, algo indispensável ao sucesso econômico do empreendimento. Como consequência, novas modalidades de conflitos emergem diariamente dessa estratégia, pois, nem todos os camelôs se reconverteram no protótipo de lojista idealizado pela PPP. As tensões em torno desse processo permitem reconstituir os nexos entre economia e política, micro e macro, agentes e instituições que configuram o social.

Palavras-chave : Mercado Informal; Camelôs; Estado; Etnografia; Parceria Público-Privada.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )