SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 número5Further triterpenes, steroids and furocoumarins from brazilian medicinal plants of dorstenia genus (moraceae)The general mechanisms of attack of nitrogen nucleophiles on carbonyl compounds: facts that determine the change of the rate-pH profiles índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Journal of the Brazilian Chemical Society

versión impresa ISSN 0103-5053

Resumen

FERNANDES, Maria Celina M.M.; PANIAGO, Eucler B.  y  CARVALHO, Sandra. Copper(II) mixed ligands complexes of hydroxamic acids with glycine, histamine and histidine. J. Braz. Chem. Soc. [online]. 1997, vol.8, n.5, pp. 537-548. ISSN 0103-5053.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-50531997000500017.

Um estudo potenciométrico e espectrofotométrico de complexos mistos de CuII, fisiologicamente interessantes, foi realizado envolvendo ácidos hidroxâmicos como ligantes primários (A) e ligantes secundários (B) representados por histamina ou pelos aminoácidos glicina e histidina. Todos são potencialmente capazes de formar quelatos com anéis de cinco ou seis membros. A constante de formação e o espectro de absorção no visível são calculados para cada uma das espécies identificadas, tanto binárias quanto ternárias. As estruturas mais prováveis das espécies mistas são propostas com base nas constantes de formação calculadas, na estabilização em relação às duas espécies binárias correspondentes, bem como nos espectros de absorção no visível. Ficou comprovado que os complexos de Cu-hidroxamato não favorecem significativamente a formação de complexos ternários com aminoácidos que possuem apenas os grupos amino e carboxilato; contudo, a formação de complexos ternários com a histidina é fortemente favorecida, devido à presença do grupo imidazol.

Palabras llave : hydroxamic acid; copper(II) complexes; mixed ligand complexes; histidine; glycine.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés