SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue1Linking the Motor Coordination and Dexterity Assessment (MCDA) to the International Classification of Functioning, Disability and Health (ICF)The prevalence of urinary incontinence in women practicing of jump author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Fisioterapia em Movimento

Print version ISSN 0103-5150

Abstract

TEIXEIRA, Renato da Costa. Aderência dos cursos de Fisioterapia da região Norte às Diretrizes Curriculares Nacionais. Fisioter. mov. [online]. 2012, vol.25, n.1, pp. 47-54. ISSN 0103-5150.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502012000100005.

INTRODUÇÃO: Após a aprovação das Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de Fisioterapia (DCN/Fisio), houve um expressivo aumento no número de cursos de graduação em Fisioterapia. A região Norte apresentou a maior taxa de crescimento desses cursos, entre 1999 e 2004, existindo atualmente 27 cursos nessa região. A DCN/FISIO trouxe uma mudança no paradigma de formação desse profissional, passando-se a buscar um perfil de egresso generalista, humanista, crítico e reflexivo. MATERIAIS E MÉTODOS: Com a finalidade de analisarmos a aderência dos cursos de fisioterapia da região Norte às DCN/Fisio, realizamos uma análise crítica dos projetos pedagógicos (PPC) de dez cursos de Fisioterapia da região, com base na mesma metodologia utilizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em 2006, em estudo semelhante com os cursos de Enfermagem, Medicina e Odontologia. RESULTADOS: A aderência média dos PPC às DCN/Fisio foi de 74%. Encontramos como pontos fortes: a construção coletiva dos projetos pedagógicos, matriz curricular interdisciplinar ou a utilização de metodologias que propiciam essa prática, a integração entre teoria e prática, a presença de mecanismos de controle do Trabalho de Conclusão de Curso, maior abrangência das áreas de atuação profissional durante o estágio supervisionado, o incentivo à produção científica, o equilíbrio entre as cargas horárias dos conteúdos essenciais e a presença de regulamento das atividades complementares. Por sua vez, encontramos como fragilidades: o projeto pedagógico construído por grupos restritos, a transcrição literal de elementos das DCN/Fisio no PPC, metodologias de ensino não condizentes com a perspectiva de formação das DCN/Fisio.

Keywords : Fisioterapia; Aderência; Projeto pedagógico; Diretriz Curricular Nacional.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese