SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue1Enhanced bone apposition to Brazilian microrough titanium surfacesFluorosis in rats exposed to oscillating chronic fluoride doses author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Dental Journal

Print version ISSN 0103-6440

Abstract

LESSA, Fernanda Campos Rosetti; ARANHA, Andreza Maria Fábio; HEBLING, Josimeri  and  COSTA, Carlos Alberto de Souza. Cytotoxic effects of White-MTA and MTA-Bio cements on odontoblast-like cells (MDPC-23). Braz. Dent. J. [online]. 2010, vol.21, n.1, pp. 24-31. ISSN 0103-6440.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-64402010000100004.

Este estudo avaliou o efeito citotóxico de dois cimentos MTA - MTA Branco-Angelus e uma nova formulação, MTA-Bio - sobre células odontoblastóides (MDPC-23) mantidas em cultura. Vinte e quatro espécimes padronizados (2 mm diâmetro x 2 mm largura) foram confeccionados de cada material e imersos individualmente em compartimentos contendo 1 mL de meio de cultura DMEM por 24 h ou 7 dias para obtenção dos extratos, formando 4 grupos de 12 espécimes cada: G1 - MTA-Branco/24 h; G2 - MTA-Branco/7 dias; G3 - MTA-Bio/24 h; e G4 - MTA-Bio/7 dias. Meio de cultura puro (DMEM) foi utilizado como controle negativo (G5). Células na concentração de 30.000 células/cm2 foram semeadas nas placas de 24 compartimentos e incubadas em incubadora com 5% CO2 e 95% ar a 37oC por 72 h. Após esse período, o meio de cultura de cada compartimento foi substituído por 1 mL do extrato (ou DMEM puro no grupo controle) e as células foram incubadas pelo período adicional de 2 h. O metabolismo celular foi avaliado pelo teste do MTT e os dados foram analisados estatisticamente pelo teste de ANOVA e Tukey (α=0,05). A morfologia celular e da superfície dos espécimes de MTA representativos de cada grupo foram avaliados em microscopia eletrônica de varredura. Não houve diferença estatisticamente significante (p>0,05) entre os gurpos G1 e G2 ou entre G3 e G4. Não foi encontrada diferença estatística (p>0,05) entre os grupos experimentais e controle. Morfologia e organização celular semelhante foram observadas em todos os grupos, independente do período de extração. Entretanto, o número de células observado nos grupos experimentais diminui quando comparado ao grupo controle. MTA-Bio apresentou uma superfície irregular com mais porosidades que o MTA-Branco. Pode-se concluir que os cimentos MTA-Branco e MTA-Bio apresentaram reduzido efeito citotóxico sobre células odontoblastóides (MDPC-23) mantidas em cultura.

Keywords : cell culture; MTA; biomaterials; odontoblasts; cytotoxicity.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English