SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número1Aplicação da análise de variância na implantação do CEPPassos para implantação de sistemas de previsão de demanda: técnicas e estudo de caso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Production

versão impressa ISSN 0103-6513

Resumo

TEIXEIRA, Joselena de Almeida; CANDIDO, Gesinaldo Ataíde  e  ABREU, Aline França de. A utilização dos materiais no Design e a competitividade da indústria moveleira da região metropolitana de Curitiba: um estudo de caso. Prod. [online]. 2001, vol.11, n.1, pp.27-41. ISSN 0103-6513.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-65132001000100003.

O trabalho faz uma análise da utilização dos domínios e estratégias do Design e a sua relação com a competitividade do segmento moveleiro da Região Metropolitana de Curitiba em função da utilização dos materiais na criação, desenvolvimento e implementação do Design. A operacionalização da pesquisa se realizou mediante um estudo de caso, tendo como suporte teórico as variáveis: Design, materiais e competitividade. Para estabelecer um padrão de relacionamento entre as variáveis foram levantados os fatores de sucesso da competitividade da referida empresa e analisados à luz dos padrões de concorrência praticados na indústria de móveis. Para conjectura de explicação do relacionamento entre competitividade e as outras duas variáveis, os dados obtidos na entrevista foram, na seqüência, expostos aos modelos; estratégias genéricas de Porter (1986) e estratégias do Design (1993). O resultado desta exposição nos possibilitou inferir que a empresa busca vantagem competitiva por meio da diferenciação, no primeiro modelo citado. E, no segundo caso, há uma predominância na utilização do conceito aperfeiçoado.

Palavras-chave : Design; materiais; competitividade.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons