SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número2Alfapeguinterferon-2a e ribavirina versus alfapeguinterferon-2b e ribavirina: avaliação custo-efetividade e do impacto orçamentário do tratamento do genótipo 1 da hepatite C crônicaAspectos clínicos e socioeconômicos das dislipidemias em portadores de doenças cardiovasculares índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Physis: Revista de Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 0103-7331

Resumo

FERNANDES, Roberta Arinelli; ARAUJO, Denizar Vianna; TAKEMOTO, Maíra Libertad Soligo  e  SAUBERMAN, Marco Vinicio. Fraturas do fêmur proximal no idoso: estudo de custo da doença sob a perspectiva de um hospital público no Rio de Janeiro, Brasil. Physis [online]. 2011, vol.21, n.2, pp.395-416. ISSN 0103-7331.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312011000200004.

O artigo visa a estimar o custo direto médico do tratamento hospitalar de pacientes idosos com fraturas de fêmur proximal, no Hospital Municipal Lourenço Jorge, na cidade do Rio de Janeiro. Estudo observacional, prospectivo, para estimar a utilização de recursos e custos diretos médicos associados à hospitalização por fratura de fêmur proximal em idosos, em 2007 e 2008, sob a perspectiva do prestador de serviços. Foi utilizado um instrumento de coleta de dados através do qual foram registrados recursos identificados na revisão prospectiva dos prontuários. Aos recursos utilizados foram atribuídos custos em reais (R$) baseando-se em valores do ano 2010. Foram realizadas análises descritivas dos custos e utilização de recursos, bem como avaliada a associação de variáveis clínicas e demográficas com o custo final observado. Foram incluídos 82 pacientes, 81,7% do sexo feminino, idade média de 76,96 anos, hospitalização média de 12,66 dias. A mediana de custo por paciente foi de R$ 3.064,76 (IC95%: 2.817,63 a 3.463,98). Hospitalização clínica e procedimento cirúrgico foram responsáveis por 65,61% e 24,94% dos custos, respectivamente. Pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico até o quarto dia de hospitalização apresentaram mediana de custos menor do que pacientes submetidos após o quarto dia (R$ 2.136,31 e R$ 3.281,45, p<0,00001). Observou-se também diferença significativa nos custos finais por tipo de procedimento cirúrgico realizado. O custo do tratamento das fraturas de fêmur proximal no idoso foi significativamente maior nos pacientes submetidos à cirurgia após o quarto dia de hospitalização. Hospitalização clínica e procedimento cirúrgico foram os principais componentes do custo final observado.

Palavras-chave : fraturas do quadril; fraturas do colo femoral; osteoporose; custos e análise de custo; idoso.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons