SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número1O desencontro entre desejo e realidade: a "indústria" da cesariana entre mulheres de camadas médias no Rio de Janeiro, BrasilVivências de mulheres sobre a assistência recebida no processo parturitivo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Physis: Revista de Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 0103-7331

Resumo

NUNES, Silvia Alexim. Esperando o futuro: a maternidade na adolescência . Physis [online]. 2012, vol.22, n.1, pp. 53-75. ISSN 0103-7331.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312012000100004.

Este artigo é parte de um projeto que pretende avaliar o lugar da maternidade na constituição da subjetividade de um grupo de adolescentes. Parte da hipótese de que a gravidez na adolescência só se tornou um problema político e social dentro de uma biopolítica voltada para a produção e reprodução do corpo social que pressupõe a maternidade como um projeto racional. Nesse contexto, a gravidez na adolescência torna-se um problema de saúde pública, e os discursos sobre o tema adotam um tom homogeneizante e estigmatizante, acentuando seus aspectos negativos. A pesquisa, realizada com adolescentes de camadas populares entre 16 e 18 anos de idade, permite questionar esses discursos. Apontou a maternidade como um acontecimento fundamental para a constituição da subjetividade dessas jovens, possibilitando a construção de ideais e a articulação de um projeto de futuro.

Palavras-chave : adolescência; gravidez; maternidade; biopolítica; formas de subjetivação.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português