SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número2CONTROLE DO DESENVOLVIMENTO FOLICULAR NA ÉGUA ATRAVÉS DA ULTRA-SONOGRAFIATRIGO - Aspectos agrometeorológicos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Rural

versão impressa ISSN 0103-8478

Resumo

IDE, Gilberto Massashi  e  DAUDT, Carlos Eugênio. EVOLUÇÃO DA COR DURANTE A MATURAÇÃO DAS UVAS TINTAS. Cienc. Rural [online]. 1993, vol.23, n.2, pp.227-231. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84781993000200020.

Foram feitos estudos de tonalidade e intensidade de cor na película e na polpa durante o desenvolvimento e a maturação da uva das cultivares Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot, Pinot Noir (Vitis vinifera) e Isabel (Vitis labrusca) nas safras de 1990 e 1991. A tonalidade na película diminuiu acentuadamente no início do desenvolvimento das bagas estabilizando-se após a "veraison". As boas condições climáticas (baixa precipitação pluviométrica e umidade, alta insolação) da safra de 1991 tiveram pouca influência sobre a tonalidade. A intensidade de cor na película aumentou durante a maturação da uva e as condições climáticas de 1991 propiciaram maior intensidade nas cultivares Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Merlot pouco influindo, no entanto, nas cultivares Pinot Noir e Isabel. Na polpa houve estabilidade da intensidade de cor, porém, a tonalidade apresentou-se variável com tendência a estabilizar-se durante a maturação.

Palavras-chave : cor; maturação; uvas tintas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons