SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue2Traits to identify the giberellic acid sensitivity of wheat genotypesEffects of phenolic compounds, activated charcoal and physical media on nodal segment development of Cordia verbenacea L. author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478

Abstract

MATIELLO, Rodrigo Rodrigues et al. Variabilidade genética para teor de proteína bruta em grãos de aveia. Cienc. Rural [online]. 1997, vol.27, n.2, pp. 183-187. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84781997000200002.

O aumento da utilização dos grãos de aveia na alimentação humana tem estimulado os melhoristas a selecionar genótipos com alta qualidade de grãos. O presente trabalho foi realizado com o objetivo de identificar e caracterizar a variabilidade genética para o caráter teor de proteína bruta de grãos em genótipos cultivados de aveia, introduções silvestres de A. fatua L., A. sterilis L. e em populações híbridas de A. sativa L. x A. sterilis L. Os resultados revelaram uma ampla variabilidade genética para o caráter dentro dos grupos estudados. As diferenças observadas entre os genótipos cultivados parecem ocorrer devido a constituição genotípica diferenciada. O grupo silvestre de A. sterilis L. foi, em média, superior aos demais, sendo que a introdução I-325 se destacou pelo alto teor de proteína. O comportamento similar entre as introduções de A. fatua L. pode ser atribuído a coleta de introduções de apenas uma região, o que reduziu a variabilidade genética. Foram encontrados híbridos artificiais entre A. sativa L. x A. sterilis L. com alto teor de proteína e características desejáveis do grupo cultivado.

Keywords : proteína; aveia hexaplóide; melhoramento genético.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese