SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue5Floral biology and reproductive system of Annona squamosa L. (Annonaceae) in Petrolina-PE, BrazilArterial and venous blood in the assessment of blood gas and acid-base status in healthy steers or steers with metabolic acidosis author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478On-line version ISSN 1678-4596

Abstract

PEREIRA, Iara Alvarenga Mesquita; PINTO, José Eduardo Brasil Pereira  and  DAVIDE, Lisete Chamma. Época da indução e evocação floral em Citrus sinensis (L.) Osbeck cv. Pêra Rio. Cienc. Rural [online]. 2003, vol.33, n.5, pp.857-862. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782003000500010.

A produção do estímulo floral (indução) e emissão das primeiras sépalas, na gema floralmente determinada (evocação floral) em Citrus sinensis (L.) Osbeck cv. Pêra Rio pôde ser acompanhada pelas variações anatômicas nos meristemas apicais e axilares. Com objetivo de determinar a época na qual ocorre a indução e evocação floral, cortes longitudinais de gemas apicais e axilares, corados com pironina Y-methylgreen foram efetuados em períodos regulares de maio a agosto. Através das mudanças no formato da gema, principalmente diâmetro, que aumentou com a indução, foi possível determinar a época do ano na qual gemas vegetativas são induzidas a florescerem. Foram detectadas variações nos diâmetros das gemas no período de início da morfogênese floral (meados até o final de julho). A medição do diâmetro das gemas mostra-se um procedimento eficiente para acompanhar os fenômenos decorrentes da indução, evocação e morfogênese florais. Gemas vegetativas apresentam diâmetro médio de 100µm, com túnica composta por três camadas, de formato cônico, recobrindo o corpo, ao passo que a reprodutiva é mais achatada, após a iniciação do primeiro primórdio de sépala, exibindo diâmetro médio de 200µm. Coloração com pironina Y-methylgreen proporciona a captação do fenômeno da evocação floral, pela detecção de regiões mais concentradas em RNA, nas zonas periféricas das gemas; alteração bioquímica esta que precede a emissão das sépalas.

Keywords : laranja; Citrus sinensis; Rutaceae; florescimento; indução floral; evocação floral.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License