SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue1Investigation of antibodies to Leptospira spp. in wild and feral animals from the region of Nhecolândia, Mato Grosso do Sul, Brazil: use of the immunohistochemistry technique for the agent detectionExperimental intoxication of pigs by fumonisins author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478On-line version ISSN 1678-4596

Abstract

GONCALEZ, Edlayne; PINTO, Marina Mori; MANGINELLI, Silvio  and  FELICIO, Joana D'arc. Intoxicação de vacas leiteiras por farelo de algodão naturalmente contaminado com aflatoxinas. Cienc. Rural [online]. 2004, vol.34, n.1, pp.171-174. ISSN 1678-4596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782004000100026.

Aflatoxina M1 é um dos metabólitos tóxico da aflatoxina B1, excretada pelo leite de animais que ingerem alimentos contaminados. O presente trabalho descreve o caso de uma fazenda produtora de leite na região de Itú, São Paulo, onde os animais foram alimentados com farelo de algodão naturalmente contaminado com as aflatoxinas. As aflatoxinas B1, B2, G1 e G2 foram identificadas por CCD e quantificadas por fotodensitometria nas concentrações de 43,5; 15,2; 9,1 e 8,6ng.g-1 respectivamente. O leite destes animais foi analisado por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE), e a aflatoxina M1 foi identificada e quantificada (0,64ng.mL-1). As concentrações encontradas para as aflatoxinas no farelo de algodão e no leite estão acima dos valores permitidos pela legislação brasileira, representando um risco à saúde pública.

Keywords : aflatoxinas; leite; farelo de algodão; contaminação; vacas lactantes.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License