SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue1Occurence of ticks on giant anteater (Myrmecophaga tridactyla) and collared anteater (Tamandua tetradactyla) in the pantanal region of Mato Grosso do Sul State, BrazilBacterial canker of grapevine: etiology, epidemiology and control strategies author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478On-line version ISSN 1678-4596

Abstract

RODRIGUES, Kelly Lameiro et al. Intoxicação estafilocócica em restaurante institucional. Cienc. Rural [online]. 2004, vol.34, n.1, pp.297-299. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782004000100049.

Foi investigado um surto de intoxicação alimentar ocorrido em um restaurante institucional. Cinqüenta e seis pessoas, de um total de 88, foram acometidas de vômitos, diarréia, dores abdominais, prostração, febre e cefaléia após ingerirem uma refeição composta de sanduíche de galinha, refresco de laranja e pudim de leite. Os sintomas apareceram entre uma hora e meia e 12 horas após a ingestão da refeição e duraram 24 a 36 horas. As taxas de ataque específico foram de 64% para o sanduíche de galinha, de 61% para o refresco de laranja e de 60% para o pudim. A contagem de Staphylococcus aureus secretores de enterotoxina A no sanduíche de galinha foi de 2 X 108UFC.g-1. Estes resultados, juntamente com os obtidos nos questionários aplicados às pessoas que ficaram doentes, forneceram provas circunstanciais que permitiram concluir que ocorreu uma intoxicação alimentar provocada pelo sanduíche de galinha contaminado com enterotoxina A de Staphylococcus aureus.

Keywords : intoxicação alimentar; Staphylococcus aureus; enterotoxina A.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License