SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue1Cerebral babesiosis in cattle: 20 casesMating behavior and seminal characteristics in young landrace and large white boars author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478On-line version ISSN 1678-4596

Abstract

BECK, Cristiane; ARAUJO, Flávio Antônio Pacheco de; OLICHESKI, Adriana Tarnowski  and  BREYER, Adriana Schneider. Freqüencia da infecção por Giardia lamblia (Kunstler, 1882) em cães (Canis familiaris) avaliada pelo Método de Faust e cols. (1939) e pela Coloração da Auramina, no município de Canoas, RS, Brasil. Cienc. Rural [online]. 2005, vol.35, n.1, pp.126-130. ISSN 0103-8478.  https://doi.org/10.1590/S0103-84782005000100020.

Giardia lamblia é um protozoário que acomete mais comumente animais jovens e que convivem em grupos. Apesar da alta prevalência, nem todos os animais apresentam a forma clínica da doença. Mesmo assim, a giardíase tem importância epidemiológica por possuir um elevado potencial zoonótico. O presente estudo teve como objetivo determinar a freqüência de Giardia lamblia em cães no município de Canoas, RS, Brasil, através do Método de Faust e cols. (1939) e da Técnica de Coloração da Auramina. Os grupos experimentais foram divididos de acordo com a procedência e o sexo. Das 332 amostras analisadas pelo Método de Faust e cols, a freqüência obtida foi de 34,04%, podendo variar de 28,95 a 39,13%, dentro de um intervalo de confiança de 95%. Destas amostras positivas, 40,96% foram de canil e 27,11% de cães de rua. O Teste Exato de Fisher aplicado a esses dados revelou existir uma diferença significativa (p=0,0107) entre as variáveis resultado e procedência. A variável sexo, neste método, não apresentou diferença significativa em relação ao resultado (P=0,8162) totalizando 33,11% de machos e 34,08% de fêmeas infectadas com o parasita. Das 147 amostras realizadas pela Técnica de Coloração da Auramina, 23 foram positivas, totalizando 15,65%. A análise estatística pelo Teste McNemar revelou existir diferença significativa entre as duas técnicas (P=0,0004). O valor Kappa foi igual a 0,07, considerado como um grau de concordância fraco. Os resultados encontrados neste estudo nos permitem afirmar que o Método de Faust e cols. foi o mais adequado para o diagnóstico da infecção por Giardia lamblia, sendo este parasita altamente prevalente na região estudada.

Keywords : Giardia lamblia; cães; Canoas; método de Faust e colaboradores; técnica de coloração da Auramina; freqüência; diagnóstico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License