SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue1Xiphinema americanum Cobb, 1913 (Dorylaimida: Longidoridae): quarantine pest for Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478On-line version ISSN 1678-4596

Abstract

BALBINOT JUNIOR, Alvadi Antonio  and  FLECK, Nilson Gilberto. Manejo de plantas daninhas na cultura de milho em função do arranjo espacial de plantas e características dos genótipos. Cienc. Rural [online]. 2005, vol.35, n.1, pp.245-252. ISSN 0103-8478.  https://doi.org/10.1590/S0103-84782005000100042.

Para se obter elevada produtividade de grãos na cultura de milho, é preciso a utilização de práticas de manejo que reduzam o efeito negativo da infestação de plantas daninhas sobre a cultura. As relações de competição entre a cultura de milho e as plantas daninhas são usualmente influenciadas pelo arranjo espacial das plantas da cultura e pelas características morfofisiológicas dos genótipos. Esta revisão de literatura tem o objetivo de discutir a influência do arranjo espacial e das características dos genótipos das plantas de milho nas relações de competição entre a cultura e as plantas daninhas. Em geral, arranjos mais eqüidistantes entre plantas, obtidas pela redução do espaçamento entre fileiras, promovem maior competitividade à cultura. Em adição, genótipos que apresentam alta velocidade de crescimento no início do ciclo e características de planta apropriadas, especialmente estatura, sofrem menos a competição com plantas daninhas.

Keywords : Zea mays; espaçamento entre fileiras; manejo cultural de plantas daninhas.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License