SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue4Simulation model of rotative and continuous grazing systems of ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) in bovine cattleWild fruits and pulps of frozen fruits: antioxidant activity, polyphenols and anthocyanins author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478

Abstract

TESSER, Marcelo Borges  and  SAMPAIO, Luís André. Criação de juvenis de peixe-rei (Odontesthes argentinensis) em diferentes taxas de arraçoamento. Cienc. Rural [online]. 2006, vol.36, n.4, pp. 1278-1282. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782006000400036.

Este estudo teve como objetivos avaliar os efeitos de diferentes taxas de arraçoamento sobre a sobrevivência e o crescimento de juvenis do peixe-rei (Odontesthes argentinensis). Juvenis de peixe-rei (100mg) foram estocados na densidade 10 peixes L-1, em tanques circulares de 50L. Foram testadas cinco taxas de alimentação (4, 8 12, 16 e 20% do peso vivo diário) em duplicata durante 30 dias, mais um controle negativo no qual os peixes não foram alimentados. Durante o experimento, a temperatura foi de 23°C, a salinidade 26‰ e a água foi constantemente aerada. A mortalidade total dos peixes mantidos em jejum foi observada após 20 dias de criação; entretanto, não foi verificada diferença significativa de sobrevivência entre os peixes submetidos aos demais tratamentos até o final do experimento, pois a mortalidade foi inferior a 10%, independentemente da taxa de arraçoamento testada. Pelos resultados da regressão polinomial quadrática dos dados de ganho em peso e eficiência alimentar, sugere-se que a taxa de arraçoamento ótima para juvenis de peixe-rei entre 100 e 500mg é igual a 9,0% do peso vivo ao dia.

Keywords : alimentação; piscicultura; cultivo intensivo; taxa de arraçoamento; crescimento; peixe-rei; Odontesthes argentinensis.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese