SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue4First report in Brazil of bovine necrotic mastitis due to Clostridium perfringens type APerspectives for the development of marine shrimp farming in the estuary of Patos Lagoon, RS, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478

Abstract

CHAVES, Thaís Castelo Branco et al. Ineficiência da Thuja occidentalis no tratamento dos poxvirus aviários. Cienc. Rural [online]. 2006, vol.36, n.4, pp. 1334-1336. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782006000400050.

Medicações à base de Tuia (Thuja occidentalis) são comuns em tratamentos homeopáticos e fitoterápicos, na medicina humana e veterinária. Suas propriedades imunoestimulantes e antivirais são descritas e sua utilização empírica no tratamento das poxviroses aviárias é recomendada por criadores e veterinários. Para avaliar o potencial terapêutico da Tuia sobre estas infecções, dois grupos (controle e teste) de dez aves jovens foram inoculados por escarificação, com uma amostra de campo de poxvírus aviário. As aves inoculadas foram examinadas diariamente, quanto ao início e evolução das lesões, registrando-se o número e tamanho destas, até a cicatrização. Após o surgimento das lesões, o grupo teste recebeu a tintura alcoólica diluída na água de consumo. A análise experimental indicou que, nas condições empregadas, a utilização da Tuia não favoreceu a regressão ou restrição no desenvolvimento das lesões de pele promovidas pela infecção experimental.

Keywords : poxviroses; avipoxvirus; Thuja occidentalis; Tuia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese