SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 issue6Necrotic enterocolitis in pigs naturally infected by porcine circovirus type 2Natural latex graft in lamellar and penetrating sclerectomies in rabbits author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478

Abstract

SILVA, Flávio de Oliveira et al. Perfil de proteases de lesões cutâneas experimentais em camundongos tratadas com a lectina isolada das sementes de Canavalia brasiliensis. Cienc. Rural [online]. 2009, vol.39, n.6, pp. 1808-1814. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782009000600026.

O objetivo deste estudo foi determinar o perfil de proteases em lesões cutâneas experimentais tratadas com a lectina isolada das sementes da Canavalia brasiliensis (ConBr) livre e conjugada com o seu açúcar específico. Lesões cirúrgicas foram produzidas assepticamente na região dorsal de camundongos (n=120), divididos de acordo com o tratamento empregado: Grupo NaCl (NaCl 150mM), Grupo manose (manose 100mM), Grupo ConBr (ConBr 100µg mL-1) e Grupo ConBr/manose (solução contendo ConBr 100µg mL-1 preparada em manose 100mM). Amostras da área lesada foram coletadas para determinação do perfil de proteases e atividade colagenolítica no 2°, no 7° e no 12° dia de pós-operatório. O perfil das proteínas realizado através de eletroforese SDS-PAGE demonstrou a presença de proteínas com massa molecular de 67kDa em todos os grupos. O Grupo ConBr/manose apresentou a maior atividade colagenolítica no 12° dia de pós-operatório. A lectina isolada das sementes da Canavalia brasiliensis influenciou a expressão de proteases com atividade colagenolítica podendo assim interferir no processo cicatricial das lesões cutâneas em camundongos.

Keywords : Canavalia brasiliensis; cicatrização; lectinas; metaloproteinases; reparo tecidual.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese