SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 issue9Physical-hydraulic attributes and wheat yield in an oxisol under compaction statesNo-tillage on corn production in rainfed agriculture in Northeast Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478

Abstract

HEINZ, Rafael et al. Decomposição e liberação de nutrientes de resíduos culturais de crambe e nabo forrageiro. Cienc. Rural [online]. 2011, vol.41, n.9, pp. 1549-1555. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782011000900010.

Este estudo teve como objetivo avaliar a decomposição e liberação de nutrientes dos resíduos culturais do nabo forrageiro e do crambe na implantação do sistema de plantio direto. O experimento foi realizado em um Latossolo Vermelho Distroférrico, com 762g kg-1 de argila. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com quatro repetições. Os tratamentos foram aplicados no esquema de parcelas subdivididas, sendo as espécies de cobertura do solo (nabo forrageiro e crambe) alocadas nas parcelas e as épocas de coleta das bolsas de decomposição (0, 15, 30, 45, 60, 75 dias após o manejo) nas subparcelas. As culturas foram manejadas 60 dias após a emergência, em florescimento pleno. O nabo forrageiro produziu 5.586kg ha-1 de massa seca (MS) e o crambe atingiu 2.688kg ha-1 de MS. A liberação de nutrientes acompanhou a cinética de decomposição da palhada, apresentando uma fase inicial rápida seguida de outra mais lenta. O K, o P e o Mg são os nutrientes liberados mais rapidamente para a cultura subsequente. A maior taxa de liberação de macronutrientes pelas culturas ocorreu ao redor de 15 dias após o manejo da fitomassa.

Keywords : Raphanus sativus; Crambe abyssinica; ciclagem de nutrientes.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese