SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.42 issue8Alternative methodology for the accelerated aging test for corn seedsMacronutrients availability in sugarcane varieties grown under increasing densities of Brachiaria brizantha author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência Rural

Print version ISSN 0103-8478

Abstract

CARVALHO, Tereza Cristina de; SILVA, Sibelle Santanna da; SILVA, Rosemeire Carvalho da  and  PANOBIANCO, Maristela. Germinação e desenvolvimento inicial de plântulas de soja convencional e sua derivada transgênica RR em condições de estresse salino. Cienc. Rural [online]. 2012, vol.42, n.8, pp. 1366-1371. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782012000800006.

O Brasil destaca-se como um dos maiores produtores mundiais de soja transgênica, sendo sua produção estendida principalmente a regiões com solos salinos, onde há acúmulo de sais que interferem na germinação da semente e no desenvolvimento das plântulas. O objetivo da pesquisa foi avaliar o efeito do estresse salino sobre a germinação e o desenvolvimento inicial de plântulas de soja convencional e sua derivada transgênica Roundup Ready (RR), submetidas a diferentes condições de salinidade. Para tanto, utilizaram-se dois lotes de sementes de soja (CD 206 e CD 206 RR), sendo que os tratamentos constaram dos seguintes níveis de NaCl: zero; 5; 15; 30; 60 e 120mmol L-1. A avaliação da qualidade fisiológica das sementes foi obtida pelos testes de germinação, comprimento de raiz e plântulas, massa seca de plântulas e volume radicular. O estresse salino reduz a germinação das sementes de ambos os genótipos, sendo que o desenvolvimento de plântulas do genótipo transgênico RR é menos sensível em condições de maior salinidade (60 a 120mmol L-1 de NaCl).

Keywords : Glycine max; salinidade; qualidade fisiológica.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese