SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue6Levels of zinc bacitracin used to improve the performance of broilersMaternal glucocorticoid in vital parameters of full-term and preterm lambs author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Rural

On-line version ISSN 1678-4596

Abstract

SHALDERS, Eduardo et al. Percentual de suplementação de fonte taninífera na ração concentrada de caprinos jovens sobre o desempenho e carga parasitária. Cienc. Rural [online]. 2014, vol.44, n.6, pp.1100-1105. ISSN 1678-4596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782014000600024.

O presente estudo buscou determinar o percentual de adição de torta de pimenta rosa (TPR) na dieta de caprinos jovens sobre o desempenho e carga parasitária. Foram utilizados 25 caprinos jovens da raça Saanen, distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado em grupos de cinco tratamentos e cinco repetições, constituídos por grupos: não suplementados com TPR; suplementados com 15% TPR; suplementados com 30% TPR; suplementado com 45% TPR; e suplementado com 60% TPR. O aumento dos níveis de suplementação de pimenta rosa resultou em efeito quadrático sobre o consumo voluntário de matéria seca (CVMS), peso metabólico e ganho em peso diário (P≤0,05). Para o CVMS, o comportamento quadrático (P≤0,05) revelou ponto de mínimo de 67,1g kg0,75 dia-1 no percentual de 59,8% de TPR; para o peso metabólico, um ponto máximo de 8,5kg0,75 no percentual de 15,5% de TPR; e, para o ganho em peso diário, um ponto máximo de 0,107g dia-1 no percentual de 19,6% de TPR na dieta. Em relação à influencia da TPR sobre a carga parasitária, observou-se efeito quadrático dos níveis de suplementação de TPR na contagem de ovos por grama de fezes (OPG) (P≤0,05), com ponto de mínimo estimado em 1,0Log10 no nível de 35,8% TPR na dieta, representando o limite de resposta do TPR. Além da redução no OPG, houve um decréscimo linear na contagem de oocistos por grama de fezes (OOPG) com o incremento nos níveis de TPR da dieta. Conclui-se que a adição de 20-30% TPR possibilitou o controle de parasitos gastrointestinais com máximo desempenho animal.

Keywords : taninos; Schinus terebinthifolius Raddi; desempenho; pequeno ruminante; oocisto.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License