SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.49 número1Pleuropneumonia por Mannheimia haemolytica em caprinos associada ao estresse de transporteSíndrome de Wobbly em um ouriço pigmeu africano (Atelerix albiventris): estudo neuropatológico e imuno-histoquímico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Rural

versão impressa ISSN 0103-8478versão On-line ISSN 1678-4596

Resumo

MILLEZI, Alessandra Farias et al. Atividade antibacteriana e anti-biofilme de óleo essencial de canela e eugenol. Cienc. Rural [online]. 2019, vol.49, n.1, e20180314.  Epub 11-Fev-2019. ISSN 0103-8478.  http://dx.doi.org/10.1590/0103-8478cr20180314.

Os biofilmes são responsáveis pela maior parte da interferência causada pelos micro-organismos no processamento de alimentos. O objetivo deste estudo foi avaliar a atividade anti-biofilme do óleo essencial de canela (Cinnamomum zeylanicum) e do composto majoritário eugenol. As concentrações utilizadas de óleo essencial foram de 0,0% (controle), 0,12%; 0,48%; 0,96% e 1,92%; a concentração de eugenol foi de 0,76%. As concentrações foram determinadas a partir de outros estudos publicados. Determinou-se o número de células viáveis e quantificou-se a biomassa bacteriana. O tratamento anti-biofilme foi eficaz na prevenção e formação de biofilmes. A concentração de 1,92% foi satisfatória, com redução de 5,91log CFUcm-2 de células viáveis em biofilme de Escherichia coli e redução de 5,17log CFU cm-2 de Staphylococcus aureus. A biomassa de ambas bactérias foi reduzida significativamente (P<0,05), entretanto, o tratamento sanitizante não foi eficaz na redução da biomassa. Diante dos resultados, o óleo essencial de canela e eugenol podem ser alternativas promissoras no controle de biofilmes.

Palavras-chave : biofilme; antimicrobianos naturais; processamento de alimentos.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )