SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número35Inteligência emocional e desempenho no trabalho: um estudo com MSCEIT, BPR-5 e 16PFA equação simbólica como recurso terapêutico: contribuições para análise do questionário desiderativo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Paidéia (Ribeirão Preto)

versão impressa ISSN 0103-863X

Resumo

CELEN, Nermin; COK, Figen; BOSMA, Harke A.  e  DJURRE, H. Zijsling. A percepção de adolescentes e de pais sobre decisão e autonomia. Paidéia (Ribeirão Preto) [online]. 2006, vol.16, n.35, pp. 349-363. ISSN 0103-863X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-863X2006000300006.

Estudo objetivou investigar autonomia de decisão de adolescentes turcos de 12-18 anos de idade. Questionário PADM (Perspectivas na Tomada de Decisões por Adolescentes) foi administrado a 372 adolescentes de classe média, alunos de ensino fundamental e médio e a seus pais. O PADM verifica se adolescentes decidem por si mesmos ou se os pais impõem restrições, também se discutem o assunto. Foram usadas análises MANOVA. Os resultados mostraram que respostas afirmativas aumentam com a idade. Na perspectiva de pais e adolescentes a autonomia para tomada de decisões aumenta com a idade, o controle parental diminui, conflitos tendem a diminuir. Houve pequena diferença de gênero: meninas têm maior nível de autonomia decisional, meninos experimentam mais conflitos. As expectativas de autonomia decisional dos adolescentes tendem a ser maiores que as dos pais. Perspectivas de pais e mães sobre autonomia foram bastante similares; os resultados suportam o modelo de família proposto por Kaðýtçýbaþý.

Palavras-chave : Autonomia Decisional; Adolescentes Turcos; Pais Turcos.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês