SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue43Psychologists in general hospitals: styles and collectives of thoughtPregnant women's bonding and maternal-fetal attachment author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Paidéia (Ribeirão Preto)

Print version ISSN 0103-863X

Abstract

PINEZI, Ana Keila Mosca. O sentido da morte para protestantes e neopetencostais. Paidéia (Ribeirão Preto) [online]. 2009, vol.19, n.43, pp. 199-209. ISSN 0103-863X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-863X2009000200008.

Este artigo tem por objetivo compreender e interpretar o sentido da morte para dois grupos evangélicos distintos, um neopentecostal da Igreja Internacional da Graça de Deus e outro protestante histórico de vertente presbiteriana, ambos localizados em Ribeirão Preto-SP. Foram realizadas etnografia em cultos e reuniões das denominações, entrevistas abertas com fiéis e observação participante. Os dados coletados foram analisados comparativamente. A pesquisa demonstrou que a noção de esperança dos presbiterianos está atrelada ao reencontro no céu e à vitória sobre a morte por meio da vida eterna e da segunda vinda de Jesus Cristo. A morte, entre eles, é desnaturalizada e ritualizada. Em contraposição, os neopentecostais vêem a morte como uma ruptura natural da vida, sem ritualizá-la no espaço sagrado. Para eles, a morte opõe-se à busca incessante, no presente, das bênçãos divinais, em especial as materiais e as relacionadas à cura do corpo.

Keywords : crenças religiosas; esperança; ritos de morte.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese