SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.49 special issueOvercoming seed dormancy in Brachiaria brizantha cv. MaranduInteractions between auxins and boric acid in the rooting of stem cuttings Coffea arabica L. cv. "Mundo Novo" author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Scientia Agricola

Print version ISSN 0103-9016

Abstract

CUQUEL, F.L.; GRANJA, N. do P.  and  MINAMI, K.. Avaliação do enraizamento de estacas de crisântemo (Chrysanthemum morifolium L.) cv. white Reagan 606 tratadas com ácido indolbutírico (IBA). Sci. agric. (Piracicaba, Braz.) [online]. 1992, vol.49, n.spe, pp. 15-22. ISSN 0103-9016.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90161992000400004.

Avaliou-se o efeito de doses crescentes do ácido indolbutírico (IBA) e de diferentes tempos de imersão no enraizamento de estacas de Chrysanthemum morifolium cv. White Reagan 606. O fator doses foi aplicado em quatro níveis: 0, 500, 1000 e 1500 ppm de IBA e o fator tempo em três níveis: 5s, 1h e 2h. O delineamento utilizado foi o de blocos completos casualizados com parcelas subdivididas, onde as dosagens de IBA foram aplicadas como tratamento principal. O experimento foi instalado em caixas de isopor, em casa de vegetação sob nebulização, tendo vermiculita como substrato. O momento adequado para o transplante foi avaliado através da leitura de uma repetição adicional utilizada como controle. Obteve-se enraizamento em todas as combinações de tratamento, mesma na ausência de IBA. De maneira geral o tratamento rápido tende a ser mais facilmente eficiente quando combinado com as maiores dosagens, enquanto os tratamentos mais demorados com as menores dosagens.

Keywords : crisântemo; Chrysanthemum morifolium; enraizamento de estacas; ácido indolbutírico (IBA).

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese