SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.51 issue3Resistance reaction of tomato genotypes (Lycopersicum spp.) to Rhizoctonia solani KuhnSoil solarization for Pithium and weed control in chrysanthemum crop author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Scientia Agricola

Print version ISSN 0103-9016

Abstract

CAMACHO, R.G.  and  CARABALLO, D.F.. Avaliação de características morfológicas em genótipos de milhos venezuelanos sob estresse de água. Sci. agric. (Piracicaba, Braz.) [online]. 1994, vol.51, n.3, pp. 453-458. ISSN 0103-9016.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90161994000300012.

Foi efetuado um experimento em casa de vegetação para avaliar a resposta de genótipos de milho sob estresse à seca. As sementes foram semeados em potes plásticos com areia lavada. Foi usado um delineamento inteiramente ao acaso com 10 tratamentos e três repetições. As plantas foram coletadas quatro semanas após o plantio e determinou-se a área foliar por planta (AF), volume de raízes (VR), comprimento da maior raiz (CMR), altura de planta (AP), peso fresco (PFR) e seco (PSR) de raízes, peso seco da parte aérea (PSPA), relação PSR/PSPA e produção total de matéria seca (PTMS). Foram encontradas diferenças significativas em todos os parâmetros avaliados, exceto para CMR. Os dados obtidos permitem identificar o CARGILL-163 como o pior genótipo quando submetido a baixo suprimento de água. Os híbridos FM-6, SEFLOARCA-91, CENIAP PB-8 e TOCORON-300 mostraram o melhor comportamento em termos de relação PSR/PSPA e VR. Por outro lado, PSR foi identificado como o melhor parâmetro indicador de plantas tolerantes a estresse à seca.

Keywords : Zea mays; área foliar; volume de raízes; comprimento de raízes; altura de planta; peso das raízes; peso da parte aérea; matéria seca total; resistência à seca.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English