SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.55 issue2RESÍDUOS DE FENITROTION EM FRUTOS E FOLHAS DE TOMATEIRO (Lycopersicon esculentum Mill) ESTAQUEADOTÉCNICA DE MEDIÇÃO DE ÁREA FOLIARCONSUMIDA POR INSETOS ATRAVÉS DE DIGITALIZADOR DE IMAGENS author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Scientia Agricola

On-line version ISSN 1678-992X

Abstract

PACHECO, A.C.; CASTRO, P.R.C.  and  APPEZZATO-DA-GLORIA, B.. ASPECTOS ANATÔMICOS DO ENRAIZAMENTO DA VIDEIRA MUSCADÍNIA (Vitis rotundifolia Michx.) ATRAVÉS DE ALPORQUIA . Sci. agric. [online]. 1998, vol.55, n.2, pp. 210-217. ISSN 1678-992X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90161998000200007.

A multiplicação das videiras é comumente realizada através de processos vegetativos como a estaquia e a enxertia, os quais nem sempre apresentam resultados satisfatórios, especialmente para as espécies de difícil enraizamento, comprometendo a produção comercial. A uva muscadínia (Vitis rotundifolia Michx.) é considerada uma planta difícil de enraizar. Sua propagação através da estaquia mostra que o emprego de reguladores vegetais proporciona pouco ou nenhum benefício ao enraizamento das estacas. Atualmente, a alporquia em frutíferas vem se apresentando como um método de propagação que proporciona um bom enraizamento, aliado à aplicação de reguladores vegetais. Este trabalho procurou avaliar a eficiência do processo de alporquia com relação ao enraizamento da uva muscadínia bem como estudar a anatomia dos calos e das raízes adventícias. Pode-se concluir que a prática do anelamento mostra-se mais efetiva em proporcionar o enraizamento do que a retirada de lascas. A adição de ácido naftalenacético não afetou significativamente o enraizamento. As raízes adventícias apareceram nas proximidades da região cambial, nas regiões nodais e internodais dos ramos. Não ocorreu a formação de raízes diretamente do calo. O tecido do calo caracterizou-se por ser meristematicamente ativo e não apresentar amido.

Keywords : Vitis rotundifolia Michx; alporquia; calo; raizes adventícias; uva .

        · abstract in English     · text in Portuguese

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License