SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.63 issue2Sward structure and herbage yield of rotationally stocked pastures of 'Marandu' palisadegrass [Brachiaria brizantha (A.Rich.) Stapf] as affected by herbage allowanceResistance and differential susceptibility of Bidens pilosa and B. subalternans biotypes to ALS-inhibiting herbicides author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Scientia Agricola

On-line version ISSN 1678-992X

Abstract

XAVIER, Alexandre Cândido et al. Medidas de reflectância hiperespectral a campo para estimar produtividade de grãos e altura de plantas de trigo. Sci. agric. (Piracicaba, Braz.) [online]. 2006, vol.63, n.2, pp.130-138. ISSN 1678-992X.  https://doi.org/10.1590/S0103-90162006000200004.

Dados hiperespectrais de reflectância de culturas agrícolas são úteis para diversas aplicações e ainda existe a necessidade de estudos para definir as melhores bandas para estimar parâmetros biofísicos de culturas. O objetivo deste trabalho é analisar o uso de índices de vegetação (IV) de bandas estreitas e largas obtidas de medidas de reflectância hiperespectral a campo para estimar a produtividade de grãos e a altura de plantas do trigo (Triticum aestivum L.). Um experimento a campo foi conduzido durante a entre safra de 2003 em Campinas, São Paulo, Brasil. Medidas de reflectância foram adquiridas ao longo de seis estádios da cultura em 80 parcelas (quatro cultivares, cinco níveis de adubação nitrogenada e quatro repetições). Os IV testados foram: a) de banda estreita ou hiperespectrais (1. ótima reflectância de múltiplas bandas estreitas, OMNBR; 2. índice de vegetação da diferença normalizada com banda estreita, NB_NDVI; 3. primeira e segunda derivada da reflectância e; 4. quatro índices de derivadas da vegetação verde) e b) de banda larga (razão simples, SR; índice vegetativo da diferença normalizada, NDVI e; índice vegetativo ajustado para solo, SAVI). Os índices hiperespectrais forneceram melhores estimativas quando comparados às estimativas dos IV de banda larga. O índice OMNBR com quatro bandas apresentou os maiores valores de R2 para estimar a produtividade de grãos (R2 = 0,74; Emborrachamento e Espigamento) e a altura das plantas (R2 =  0,68; Espigamento). Os melhores resultados foram observados entre os estádios de Perfilhamento II e Espigamento.

Keywords : sensoriamento remoto; agricultura; índices de vegetação.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License