SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.67 issue4Material flow determination through agricultural machinery managementMelatonin in maturation media fails to improve oocyte maturation, embryo development rates and DNA damage of bovine embryos author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Scientia Agricola

Print version ISSN 0103-9016

Abstract

MACEDO, Robert et al. Consumo e composição da forragem ingerida por bovinos alimentados com Brachiaria e uma leguminosa. Sci. agric. (Piracicaba, Braz.) [online]. 2010, vol.67, n.4, pp. 384-392. ISSN 0103-9016.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90162010000400002.

Uma contribuição fundamental para o estudo da ciclagem de nutrientes no sistema solo/planta/ animal é a avaliação do consumo pelo gado de forragem e dos nutrientes nela contidos. Testaram-se, sob condições controladas, técnicas para avaliar a produção fecal, digestibilidade in vitro, consumo de forragem e a proporção de leguminosa ingerida na dieta. Cinco novilhos de Zebu foram confinados e alimentados com quantidades conhecidas de cinco rações com diferentes proporções de Brachiaria dictyoneura e Desmodium ovalifolium. Todas as fezes bovinas foram recolhidas e pesadas e estes valores foram comparáveis com as estimativas da produção fecal derivadas do uso da técnica de óxido de cromo. A digestibilidade in vitro variou de 7 a 10% acima da digestibilidade in vivo atual. Amostras de fezes de novilhos alimentados com dietas com 25% ou mais de capim na mistura apresentaram abundância de 13C por entre 1,7 e 2,1‰, mas este empobrecimento isotópico não foi observado quando a dieta era com 100% D. ovalifolium. Houve correlação positiva linear (r2 = 0,97***) entre δ13C da dieta com o δ13C das fezes, mas o conteúdo de leguminosa foi subestimado em mais de 10% quando a dieta ingerida foi de 100% de leguminosa. Nenhum dos indicadores internos, como o conteúdo de lignina ou cinzas, foram úteis para prever o consumo de forragem, mas os resultados da técnica utilizando óxido crômico como indicador externo foram satisfatórios. A abundância de 13C das fezes foi indicador adequado da proporção da leguminosa na dieta.

Keywords : Brachiaria dictyoneura; Desmodium ovalifolium; abundância natural de 13C; digestibilidade; consumo animal.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English