SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.68 issue1Resilience analysis for agricultural systems of north China plain based on a dynamic system modelTranspiration rate response to water deficit during vegetative and reproductive phases of upland rice cultivars author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Scientia Agricola

Print version ISSN 0103-9016

Abstract

TOLEDO, Mariana Zampar; GARCIA, Rodrigo Arroyo; MERLIN, Alexandre  and  FERNANDES, Dirceu Maximino. Qualidade fisiológica de sementes de aveia-branca em função da adubação com silício e fósforo. Sci. agric. (Piracicaba, Braz.) [online]. 2011, vol.68, n.1, pp. 18-23. ISSN 0103-9016.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90162011000100003.

Os fertilizantes silicatados tem sido cada vez mais usados na agricultura devido a inúmeros benefícios, tais como correção da acidez de solos tropicais e efeitos positivos no desenvolvimento de gramíneas. A disponibilidade de nutrientes e a nutrição de plantas desempenham papel importante na produção de sementes e podem influenciar a qualidade fisiológica de sementes de aveia-branca (Avena sativa L.). Avaliou-se a germinação de sementes e o desenvolvimento de plântulas de aveia-branca em função da adubação com silício e fósforo. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 4, com seis repetições. Os tratamentos consistiram de 20 e 200 mg dm-3 de P2O5, aplicados na forma de superfosfato triplo, combinados com 0, 150, 300 e 450 mg dm-3 de Si na forma de silicato de potássio. O experimento foi realizado em casa de vegetação, conduzindo-se sete plantas por vaso, com capacidade para 15 L de terra. As panículas foram colhidas e debulhadas manualmente e, as sementes, armazenadas em sacos de papel em condições normais de ambiente. As sementes foram avaliadas quanto ao teor de água, massa de sementes, germinação, condutividade elétrica, comprimento e massa da matéria seca de plântulas. Sementes de aveia-branca com qualidade superior são produzidas com 20 mg dm-3 de P2O5, independente da dose de Si. Sementes com maior germinação e vigor são obtidas com 300 e 450 mg dm-3 de K2SiO3, respectivamente. Os comprimentos da raiz e total das plântulas foram inferiores nas doses de Si até 300 kg ha-1, porém a dose de fósforo somente afetou o desenvolvimento das plântulas de maneira distinta quando aplicada junto com a maior dose de silício.

Keywords : Avena sativa L; germinação; vigor; nutrição de plantas.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English