SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.68 issue2Sugarcane yield estimates using time series analysis of spot vegetation images author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Scientia Agricola

Print version ISSN 0103-9016

Abstract

MENESES, Carlos Henrique Salvino Gadelha et al. Germinação de sementes de cultivares de algodoeiro sob estresse hídrico induzido por polietilenoglicol-6000. Sci. agric. (Piracicaba, Braz.) [online]. 2011, vol.68, n.2, pp. 131-138. ISSN 0103-9016.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-90162011000200001.

A qualidade fisiológica de sementes de cultivares de algodoeiro (Gossypium hirsutum var. latifolium L.) foi avaliada em laboratório pela simulação de potenciais hídricos com polietilenoglicol-6000 (0,0; -0,2; -0,4; -0,6; -0,8 e -1,0 MPa), na temperatura de 25ºC, em substrato papel germitest. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4 × 6, com quatro repetições de 50 sementes. As variáveis estudadas foram: porcentagem de germinação, primeira contagem da germinação e índice de velocidade de germinação, envelhecimento acelerado em água, condutividade elétrica, umidade, classificação de vigor (plântulas normais, fortes ou fracas), comprimento de radícula e relação radícula/parte aérea. O efeito do estresse hídrico na viabilidade das sementes e no vigor das plântulas foi severo a partir de -0.4 MPa. O cultivar CNPA 187 8H foi o menos sensível aos níveis de potenciais osmóticos testados tanto em termos de germinação, como de vigor. O cultivar BRS-201 foi o mais afetada nos testes de viabilidade e vigor em condições de déficit hídrico. Observou-se comportamento diferenciado em relação à viabilidade e vigor em diferentes níveis de estresse hídrico simulado por polietilenoglicol-6000.

Keywords : Gossypium hirsutum var. latifolium L.; PEG-6000; vigor; potencial hídrico.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English