SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número2Os destinos da diferença sexual na cultura contemporâneaMulheres atletas: re-significações da corporalidade feminina índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Estudos Feministas

versão impressa ISSN 0104-026Xversão On-line ISSN 1806-9584

Resumo

DI CIOMMO, Regina Célia. Relações de gênero, meio ambiente e a teoria da complexidade. Rev. Estud. Fem. [online]. 2003, vol.11, n.2, pp.423-443. ISSN 0104-026X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-026X2003000200005.

O trabalho utiliza a teoria da complexidade para a análise das questões de gênero, mostrando que a sociedade as constrói em uma interação de informações entre natureza e cultura. O enraizamento bioantropológico e as características socioculturais comportam graus diversos de experiências, conhecimentos e sabedoria, em uma complexa organização em que as oposições não devem significar extinção e as diferenças não podem traduzir enfraquecimento ou superioridade. Dessa forma, podemos aplicar o conceito do "anel tetralógico" de Edgar Morin, que comporta desordem, organização, ordem e interação para a compreensão dos impasses entre seres masculinos e femininos, humanos e não-humanos, em direção a uma mudança paradigmática em nossas relações sociais e ambientais.

Palavras-chave : gênero; complexidade; meio ambiente; educação; ecologia humana.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons