SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue1Rural settlements and income generation: restricted social status, socio-cultural resources and marketsKarl Polanyi and the "Great Debate" between the substantivists and formalists in economic anthropology author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Economia e Sociedade

Print version ISSN 0104-0618

Abstract

GANEM, Angela. O mercado como ordem social em Adam Smith, Walras e Hayek. Econ. soc. [online]. 2012, vol.21, n.1, pp. 143-164. ISSN 0104-0618.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-06182012000100006.

O objetivo do artigo é apresentar criticamente as teorias do mercado de Adam Smith, Leon Walras e F. A. Hayek, sublinhando o que se considera terem em comum, ou seja, a ideia de mercado como expressão da ordem social capitalista. Entende-se que esta concepção do mercado como ordem social aparece originariamente na história do pensamento econômico e na história das ideias através da solução de Adam Smith frente aos filósofos do contrato e avança, analiticamente, um século após, na tentativa de demonstração lógico-matemática da Teoria do Equilíbrio Geral em Walras para adquirir a souplesse teórica necessária a sua sobrevivência, no século XX, na teoria de Hayek, em que a história realizaria o autodesenvolvimento da ordem do mercado. O texto percorre as filiações filosóficas e as implicações metodológicas das teorias do mercado desses grandes autores, mostrando as formas diferenciadas que elas assumem: ordem natural para Smith, ordem racional para Walras e ordem espontânea para Hayek.

Keywords : Teorias do mercado; Ordem social; A. Smith, 1723-1790; L. Walras, 1834-1910; F. Hayek; 1899-1992.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese