SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3Climateric and sexuality: the comprehension of this interface by women attended in groupPerception of causality and signs of near miss referred by surviving women author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Texto & Contexto - Enfermagem

Print version ISSN 0104-0707On-line version ISSN 1980-265X

Abstract

BORBA, Alessandra Maria Cotrim de; LELIS, Maria Alice dos Santos  and  BRETAS, Ana Cristina Passarella. Significado de ter incontinência urinária e ser incontinente na visão das mulheres. Texto contexto - enferm. [online]. 2008, vol.17, n.3, pp.527-535. ISSN 0104-0707.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072008000300014.

O objetivo deste estudo qualitativo foi compreender as repercussões da incontinência urinária na vida de mulheres e conhecer o significado das crenças, valores e atitudes de TER incontinência e SER incontinente. O método utilizado foi a história oral temática e a coleta de dados ocorreu de agosto a outubro de 2005 em dois momentos distintos. Inicialmente com a aplicação de instrumentos específicos para incontinência urinária e posteriormente foram coletados os dados subjetivos por meio de entrevistas com questões semi-estruturadas. Utilizando a análise temática, encontramos quatro unidades centrais - percebendo que a perda não é normal, tendo sentimentos diante da perda, tendo que assumir a incontinência urinária, tendo que ter controle para não perder ou cheirar urina. Identificamos, pela análise das unidades, a apreensão do fenômeno SER incontinente compreendendo que as mulheres possuem estratégias individuais para lidarem com a relação dialética entre o SER e o TER incontinência urinária.

Keywords : Incontinência urinária; Emoções; Cuidados de enfermagem; Saúde da mulher; Pesquisa qualitativa.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License