SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número3Revista enfermagem em novas dimensões: wanda horta e sua contribuição para a construção de um novo saber da enfermagem (1975-1979)Dimensionamento de enfermagem hospitalar: modelo OPAS/OMS índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Texto & Contexto - Enfermagem

versão impressa ISSN 0104-0707

Resumo

ARZUAGA-SALAZAR, Maria Angélica et al. Câncer de colo do útero: mortalidade em santa catarina - Brasil, 2000 a 2009. Texto contexto - enferm. [online]. 2011, vol.20, n.3, pp. 541-546. ISSN 0104-0707.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072011000300016.

O câncer de colo do útero no Brasil é a terceira neoplasia mais comum em mulheres e apresenta alta mortalidade. O objetivo foi o de avaliar a mortalidade por câncer de colo do útero, ocorrida no Estado de Santa Catarina, no período de 2000 a 2009. Estudo descritivo de base populacional, com a inclusão de todos os óbitos de mulheres, por câncer de colo do útero. Nos dados coletados do Sistema de Informação de Mortalidade, do Ministério da Saúde brasileiro, foram identificadas 1253 mortes de mulheres associadas a esta neoplasia. A taxa de mortalidade calculada variou no período entre 3,6 a 4,9 mortes por 100.000 mulheres, sendo mais elevada em mulheres com sessenta e mais anos. A enfermagem contribui para a construção da cultura de prevenção desta neoplasia, para realização dos testes diagnósticos e para a captação e o seguimento das mulheres de risco pela rede básica de saúde.

Palavras-chave : Neoplasias do colo do útero; Mortalidade; Enfermagem oncológica.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · pdf em Português