SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número1ASSISTÊNCIA ÀS PESSOAS COM DIABETES NO HIPERDIA: POTENCIALIDADES E LIMITES NA PERSPECTIVA DE ENFERMEIROSCUIDADO, DOENÇA E SAÚDE: REPRESENTAÇÕES SOCIAIS ENTRE PESSOAS EM TRATAMENTO DIALÍTICO índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Texto & Contexto - Enfermagem

versão impressa ISSN 0104-0707versão On-line ISSN 1980-265X

Resumo

COELHO, Alexa Pupiara Flores et al. TRABALHO FEMININO E SAÚDE NA VOZ DE CATADORAS DE MATERIAIS RECICLÁVEIS. Texto contexto - enferm. [online]. 2018, vol.27, n.1, e2630016.  Epub 05-Mar-2018. ISSN 0104-0707.  http://dx.doi.org/10.1590/0104-07072018002630016.

Objetivo:

analisar a interface trabalho feminino e saúde na perspectiva de mulheres catadoras de materiais recicláveis e realizar uma atividade educativa em direção ao seu empoderamento.

Método:

estudo qualitativo realizado com base na Pesquisa Convergente-Assistencial. As participantes foram 11 mulheres catadoras de uma cooperativa de materiais recicláveis. Os dados foram produzidos entre abril e junho de 2015 por intermédio da observação não sistemática participante, entrevistas semiestruturadas e grupo de convergência. A análise seguiu os passos estabelecidos pelo referencial metodológico (apreensão, síntese, teorização e transferência).

Resultados:

da análise emergiram duas categorias temáticas que apontam para trajetórias de vida marcadas por fragilidades econômicas, familiares e sociais, tais como a vivência do trabalho infantil, exclusão do mercado de trabalho, dificuldades impostas pela maternidade e casamento, bem como o preconceito racial. Apontam, ainda, a visão das catadoras acerca do trabalho na vida da mulher, evidenciando-se elementos como o machismo, a divisão sexual do trabalho e a interface entre trabalho e família. A atividade educativa em grupo em direção ao empoderamento se mostrou positiva e ajudou as catadoras a reavivar os sentimentos de confiança em suas capacidades.

Conclusão:

o trabalho feminino é um fator relevante para a saúde da mulher. Nesse sentido, ações educativas de enfermagem que estimulem o empoderamento como elemento para a saúde podem ser eficazes junto a grupos singulares, como as catadoras de materiais recicláveis.

Palavras-chave : Enfermagem; Saúde do trabalhador; Trabalho feminino; Gênero e saúde; Catadores; Pesquisa participativa baseada na comunidade; Pesquisa qualitativa.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )