SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 número5Fatores que favorecem a participação do acompanhante no cuidado do idoso hospitalizadoCuidar em oncologia na perspectiva de Alfred Schütz índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Latino-Americana de Enfermagem

versão impressa ISSN 0104-1169

Resumo

MARTINS, Marielza R. Ismael  e  CESARINO, Claudia Bernardi. Qualidade de vida de pessoas com doença renal crônica em tratamento hemodialítico. Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]. 2005, vol.13, n.5, pp. 670-676. ISSN 0104-1169.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692005000500010.

Este estudo descritivo objetiva avaliar a qualidade de vida de pessoas em tratamento de hemodiálise (HD) e identificar as atividades cotidianas que podem comprometer sua qualidade de vida. Foram pesquisadas 125 pessoas com insuficiência renal crônica (IRC) em tratamento de hemodiálise, mediante o Questionário Genérico de Qualidade de Vida SF-36 e as atividades cotidianas por uma entrevista semi-estruturada. Os dados foram submetidos à análise estatística, com nível de significância de 5%. Os resultados evidenciaram prejuízo na qualidade de vida, demonstrando menores escores nos domínios dos aspectos físicos, emocionais e vitalidade. Verificou-se correlação negativa entre tempo de HD e componente físico (r = - 0,75). As atividades corporais e recreativas foram as mais comprometidas tanto na amostra global quanto na estratificada por sexo. Observou-se correlação negativa entre tempo de HD e as atividades cotidianas: trabalho, atividades domésticas e atividades práticas.

Palavras-chave : qualidade de vida; insuficiência renal crônica; atividades cotidianas; diálise renal.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · pdf em Português