SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 issue2The incidence of pressure ulcers after the implementation of a prevention protocolUrinary incontinence in the puerperium and its impact on the health-related quality of life author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Latino-Americana de Enfermagem

Print version ISSN 0104-1169

Abstract

LANDGRAF, Taise Natali et al. O receptor de aerobactina IutA, uma proteína isolada em coluna de agarose, não é essencial para a infecção por Escherichia coli uropatogênica. Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]. 2012, vol.20, n.2, pp. 340-345. ISSN 0104-1169.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692012000200017.

Apenas alguns relatos na literatura demonstram que lectinas são importantes nos processos de colonização e infecção por Escherichia coli. A falta de compreensão clara dos mecanismos envolvendo lectinas, no processo de colonização por E. coli, motivou a realização deste estudo para se identificar a presença de outras lectinas não descritas em E. coli. Neste trabalho, isolou-se uma proteína de 75kDa de E. coli em coluna de Sepharose, correspondente ao receptor de aerobactina férrica (IutA). A associação de IutA com virulência de cepas de E. coli é controversa, principalmente em E. coli uropatogênica (UPEC), o que levou a se avaliar a presença do gene iutA em UPECs isoladas de pacientes com infecção urinária. O gene estava presente em 38% dos isolados, sugerindo fraca associação com virulência. Devido à existência de redundância nos sistemas de captura de ferro, sugere-se, aqui, que IutA possa ser vantajosa, mas não essencial para UPEC.

Keywords : Escherichia coli Uropatogênica; Sideróforos; Lectina; Virulência.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Spanish | Portuguese     · pdf in English | Portuguese | Spanish