SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue6Reliability and practical aspects of the disease impact measure on hypertensive patientsAsessment of evaluation of transference support and training impact on the work of nurses author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Latino-Americana de Enfermagem

On-line version ISSN 1518-8345

Abstract

ARRAES, Camila de Oliveira et al. Masculinidade, vulnerabilidade e prevenção relacionadas às doenças sexualmente transmissíveis/HIV/Aids entre adolescentes do sexo masculino: representações sociais em assentamento da reforma agrária . Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]. 2013, vol.21, n.6, pp.1266-1273.  Epub Oct 16, 2013. ISSN 1518-8345.  https://doi.org/10.1590/0104-1169.3059.2363.

OBJETIVO:

analisar as relações de masculinidade, vulnerabilidade e prevenção às doenças sexualmente transmissíveis/HIV/Aids entre adolescentes do sexo masculino, de um assentamento da reforma agrária do Brasil Central.

MÉTODO:

estudo qualitativo, utilizando-se como preceitos as vertentes das representações sociais com adolescentes assentados de 12 a 24 anos.

RESULTADOS:

emergiram três categorias − percepção de vulnerabilidade, gênero e vulnerabilidade e prevenção e vulnerabilidade relacionadas às doenças sexualmente transmissíveis/HIV/Aids. Os adolescentes sentem-se invulneráveis às doenças de transmissão sexual ancorados nas representações sociais favoráveis à hegemonia masculina. Demonstraram, em seus discursos, um desconhecimento sobre as formas de prevenção às doenças sexualmente transmissíveis/HIV/Aids. Acredita-se que projetos institucionais como o Programa Saúde na Escola e o Programa de Atenção à Saúde do Homem constituem ferramentas imprescindíveis para minimizar fatores de vulnerabilidades nessa população, uma vez que a escola, reconhecida como equipamento social, promove a socialização de experiências e contribui para a construção da identidade do adolescente.

CONCLUSÃO:

Conclusão: as representações sociais da masculinidade colaboram para o comportamento vulnerável dos adolescentes na aquisição de doenças de transmissão sexual. Almeja-se que este estudo possa contribuir para a produção de conhecimentos e aperfeiçoamento técnico-científico dos profissionais, especialmente o enfermeiro, com vistas a discutir as questões relativas à sexualidade masculina dos adolescentes em situação de assentamento da reforma agrária.

Keywords : Saúde do Homem; Adolescente; Masculinidade; Doenças Sexualmente Transmissíveis; Vulnerabilidade em Saúde.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese | Spanish     · English ( pdf ) | Spanish ( pdf ) | Portuguese ( pdf )