SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 número2Redução da velocidade de cristalização a frio do PET na presença de poliestirenoComparação dos valores de desgaste abrasivo e de microdureza de 13 resinas compostas usadas em odontologia através do método do disco retificado índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Polímeros

versão impressa ISSN 0104-1428versão On-line ISSN 1678-5169

Resumo

MOTTA, Adriana C.  e  DUEK, Eliana A. R.. Síntese e caracterização do copolímero poli (L-co-D,L Ácido Láctico). Polímeros [online]. 2007, vol.17, n.2, pp.123-129. ISSN 1678-5169.  https://doi.org/10.1590/S0104-14282007000200011.

A aplicação de polímeros biorreabsorvíveis em próteses temporárias é constante nos procedimentos médicos relacionados a fraturas ósseas. Dentre os polímeros bioreabsorvíveis, o poli(L-co-D, L ácido láctico), PLDLA, na relação 70:30, tem sido estudado visando à obtenção de placas e parafusos para a recuperação de traumas nas regiões buco e crâniomaxilofacial. Nessa relação de monômeros obtém-se um polímero amorfo, o que permite uma adaptação do dispositivo ao local do implante durante a cirurgia. Um fator limitante para o uso desse polímero é seu alto custo em função da importação. Neste trabalho o PLDLA foi sintetizado através da polimerização em massa dos monômeros cíclicos do L-ácido láctico e do D, L ácido láctico, utilizando como catalisador o Sn(Oct)2. Obteve-se material de alta massa molar (Mw = 105 g/mol), o qual foi caracterizado por 1H RMN, 13C RMN, GPC, FTIR e DSC.

Palavras-chave : Poli(L-co-D,L ácido lático); síntese; caracterização.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons