SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número5Avaliação da biodegradação de compósitos de poli(ε-caprolactona)/fibra de coco verdePolissacarídeos extraídos da gabiroba (Campomanesia xanthocarpa Berg): propriedades químicas e perfil reológico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Polímeros

versão impressa ISSN 0104-1428

Resumo

TARPANI, José R.  e  GATTI, Maria C. A.. Tenacidade à fratura translaminar dinâmica de laminados compósitos de fibras de carbono e resina epóxi de grau aeronáutico. Polímeros [online]. 2010, vol.20, n.5, pp.345-351.  Epub 04-Fev-2011. ISSN 0104-1428.  https://doi.org/10.1590/S0104-14282011005000004.

A tenacidade à fratura translaminar dinâmica de quatro laminados compósitos de fibras de carbono e resina epóxi foi determinada nas velocidades de impacto de 2,25 e 5,52 m/s, sob as temperaturas de -70, +25 e +100 °C. Concluiu-se que a tenacidade à iniciação da fratura dos laminados confeccionados com fibras na forma de fita unidirecional é, em qualquer condição de ensaio, muito superior à dos laminados manufaturados com fibras dispostas na forma de tecido bi-direcional. Quanto à tenacidade à propagação de danos, constatou-se que o laminado fita processado a 180 °C é o mais indicado para operar sob impacto em temperaturas intermediárias, enquanto que o manufaturado a 120 °C é a melhor opção para trabalhar sob ambos os extremos do intervalo de temperatura avaliado.

Palavras-chave : Impacto instrumentado Charpy; laminado compósito aeronáutico; tenacidade à fratura dinâmica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons