SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número especialPotencial dos resíduos do processamento de camarão para remediação de águas contaminadas com drenagem ácida mineralEstudo de propriedades dinâmico-mecânicas de um compósito aeronáutico de CFRP com fios de ligas com memória de forma embebidos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Polímeros

versão impressa ISSN 0104-1428versão On-line ISSN 1678-5169

Resumo

SOUZA, Christiane Sales Reis de; MARLET, José Maria Fernandes; CARDOSO, Andreza de Moura  e  REZENDE, Mirabel Cerqueira. Estudo do comportamento térmico de laminados carbono/epóxi submetidos a múltiplos ciclos térmicos. Polímeros [online]. 2016, vol.26, n.spe, pp.8-15.  Epub 19-Jan-2016. ISSN 1678-5169.  https://doi.org/10.1590/0104-1428.1769.

Este trabalho apresenta um estudo comparativo dos comportamentos térmicos de três famílias de laminados de fibra de carbono/resina epóxi, submetidas a múltiplos ciclos térmicos, via análises termogravimétricas e dinâmico-mecânicas. Este estudo procura aliar a possibilidade de utilização de retalhos de pré-impregnados de fibra de carbono com resina epóxi - um material nobre na indústria aeronáutica, por meio da comparação do comportamento térmico de um laminado preparado com retalhos de pré-impregnados (laminado R), com outros dois laminados, sendo um manufaturado com prepreg comercial (laminado A) e um terceiro obtido por impregnação manual de reforço seco de fibra de carbono com resina epóxi (laminado B). Os laminados curados a 180 °C foram submetidos a múltiplos ciclos térmicos, totalizando 40, 100 e 300 h de exposição na temperatura máxima de 180 °C. As análises termogravimétricas mostram que os laminados submetidos às múltiplas ciclagens apresentam estabilidade térmica na temperatura de 180 °C, com perda de massa relativa à umidade absorvida pelos laminados. As análises dinâmico-mecânicas evidenciam que as múltiplas ciclagens térmicas afetam pouco ou até aumentam as temperaturas de transição vítrea dos sistemas de resinas epóxis estudados. A partir dos resultados obtidos pode-se afirmar que os laminados submetidos às múltiplas ciclagens térmicas apresentam estabilidade térmica suficiente para serem utilizados, por exemplo, em ferramentais de cura de componentes aeronáuticos.

Palavras-chave : resina epóxi; compósito carbono/epóxi; ciclagem térmica; TGA; DMA.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )