SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número43Desenhos e fotografias: marcas sociais de infânciasGrupo focal em pesquisa qualitativa sobre leitura com jovens índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Educar em Revista

versão impressa ISSN 0104-4060

Resumo

ELKONIN, D. B.. Enfrentando o problema dos estágios no desenvolvimento mental das crianças. Educ. rev. [online]. 2012, n.43, pp.149-172. ISSN 0104-4060.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-40602012000100011.

O objetivo central do artigo é discutir o conceito naturalista e evolutivo de desenvolvimento mental, especialmente nos modelos teóricos que defendem uma concepção do desenvolvimento humano pautada numa divisão por estágios, relacionando marcadamente idade cronológica e mudanças intra e interindividuais. Tais modelos teóricos dicotomizam a psicologia da criança nos aspectos necessidade-motivação e intelectuais-cognitivos. Pretendendo superar essa dicotomia, Elkonin propõe que o desenvolvimento humano é melhor entendido como movimento dialético de assimilação, pela criança, desde o seu nascimento, dos objetivos, motivos e normas das relações humanas e de aquisição e interiorização dos modos social e historicamente evoluídos de ação com objetos, presentes em uma coletividade. Essa perspectiva dialética de compreender o desenvolvimento permite: 1. entender o processo de desenvolvimento mental como uma espiral ascendente, antes do que linearmente, 2. explanar a significância funcional dos diferentes períodos do desenvolvimento, clarificando seus padrões de transição, e 3. se mostra relevante como um auxílio para resolver a questão da suscetibilidade dos vários estágios do desenvolvimento da criança a tipos particulares de influência.

Palavras-chave : desenvolvimento; atividade social; linguagem; períodos; cultura.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons