SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue4Risk factors for esophageal cancer in Rio Grande do Sul, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Associação Médica Brasileira

Print version ISSN 0104-4230

Abstract

MOREIRA, M. et al. Efeito da infecção hospitalar da corrente sanguínea por Staphylococcus aureus resistente à oxacilina sobre a letalidade e o tempo de hospitalização. Rev. Assoc. Med. Bras. [online]. 1998, vol.44, n.4, pp. 263-268. ISSN 0104-4230.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42301998000400002.

OBJETIVO: Determinar a letalidade atribuída à infecção hospitalar da corrente sangüínea (IHCS) por Staphylococcus aureus resistente à oxacilina (SARO) e seu efeito sobre o tempo de hospitalização. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Estudo tipo caso controle envolvendo 71 pares de pacientes adultos internados em hospital de ensino no período de janeiro de 1991 a setembro de 1992, pareados para os seguintes critérios: idade, sexo, doença de base, procedimento cirúrgico, mesmo período de risco e data de admissão. RESULTADOS: A incidência de pacientes com sepses hospitalar por SARO representou 73,22% entre aqueles que desenvolveram bacteremia por Staphylococcus aureus. A taxa de letalidade dos casos foi de 56,33% (40/71). Oito controles morreram, o que corresponde à taxa de letalidade de 11,26% (8/71). A letalidade atribuída à infecção hospitalar da corrente sangüínea por SARO foi de 45,07% (OR=17,0; IC 95%=3,58 - 202,26; p=0,000001). Os casos permaneceram, em média, 32,5 dias internados no hospital, enquanto que os controles 29,7 dias (p=0,32). CONCLUSÕES: Observou-se elevada proporção de sepses por SARO entre todas as bacteremias por Staphylococcus aureus. A IHCS por SARO acarreta, por si só, uma alta taxa de letalidade, independentemente da doença que causou a internação, sem contudo, aumentar o tempo de permanência hospitalar.

Keywords : Sepses; Mortalidade; Staphylococcus aureus; Infecção hospitalar.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese